Uniao de Blogueiros Evangelicos

Por que o Evangelho cristão ofendeu tanto esse jovem Fariseu?
O sermão de Pedro no dia do pentecostes atinge o climax com a grande declaração: "A este JESUS que vós cricificates, DEUS o fez Senhor e CRISTO" (Atos 2.35).
Foi provavelmente este elo entre a crucificação e o messiado que ofendeu Paulo. " O que for pendurado no madeiro é maldito de DEUS" é o ensino de Deuteronômio 21.23. Portanto o proprio fato da crucificação faz com que a pretensão cristã seja impossivel.
Entretanto esses cristãos parecem ter orgulho da cruz!

Dois fatores sugerem que Deusterônomio 21.23 pode ter sido uma significativa motivação para o odio de Paulo contra a igreja. etc.....

Exibições: 1278

Responder esta

Respostas a este tópico

Paulo nunca perseguiu a igreja!
Ele, enquanto gentio (Paulo), jamais perseguiu a igreja.
Agora Saulo de Tarso, sim! O Judeu ortodoxo, radical e completamente fiel aos seus princípios, simplesmente achou um absurdo que pudessem professar a fé em um Mashiah derrotado, numa cruz, maior vergonha, castigo, derrota e humilhação Romana. Bem, talvez um pouco como gentio ele também o tenha perseguido. Mas de um outro modo. Latentemente ele buscava a Cristo e não sabia! Precisou ficar cego para realmente poder enxergar! E a história nos mostra que ele caiu direitinho do cavalo, né?
:)

Shalom e Paz a todos, fiquem com Deus!
A modificação do nome do apósltolo de Saulo para Paulo, não significa que ele não tinha esses nomes. Pois ele tinha dupla nacionalidade o nome romano ficou sendo usado provavelmente porque ele iria ser apóstolo dos gentios. Porém, o que pretendo esclarecer, né! É que tanto Paulo quanto Saulo perseguiram os cristãos. Quando ele estava perseguindo a igreja não perdeu a nacionalidade romana, não. Contudo, depois do novo nascimento, de perseguidor, passa a ser perseguido.
Correto,

A verdadeira mudança não foi do nome, afinal ele tinha a dupla nacionalidade. Mas o que mudou de fato foi o coração, a intenção, a mente. Ele deixou de ser perseguidor e passou a ser perseguido!

,Amém! :)
Mas, não foi isso que você respondeu. Nem foi isso que o artigo de José Aliúde quis dizer também.
É melhor esclarecer o que eu quis dizer então ..hehehe :)

Paulo nunca perseguiu a igreja!

Relmente, dizer que Paulo nunca perseguiu a igreja foi bastante enfático. É que Bíblicamente Paulo não é denominado como tal, senão após sua conversão.
A mudança de nome é bastante significativa na Bíblia.
O que quiz dizer foi com relação a mudança interior que Paulo teve, que se refletiu em todo o seu exterior.
Lucas, quando escreveu o livro de Atos, teve o cuidado de mencinar Paulo como Paulo, e não como Saulo, somente após sua conversão.
Na verdade, Paulo só é chamado como Saulo no livro de Atos, dos capítulos 7 (primeira vez quando seu nome é mencionado na Bíblia - Atos 7:58) até o capítulo 26 (última vez que ele é chamado de Saulo - Atos 26:14)
E ele só começa a ser chamado como Paulo à partir de Atos 13.9, bem após sua conversão que ocorreu em Atos 9.
Então, neste sentido não estou totalmente errado, né? :)

Ele, enquanto gentio (Paulo), jamais perseguiu a igreja.

Foi neste sentido que menciono acima que disse isto. Claro que era ele quem perseguia, mas não como Paulo e sim como Saulo.
Outro célebre exemplo disto, é de que na verdade Israel nunca enganou seu irmão Esaú, e sim foi Jacó quem o Enganou pois, quando Jacó lutou com o Anjo do Senhor (claramente Jesus Cristo no Velho Testamento) ele saiu completamente mudado deste encontro. Inclusive o nome! Da mesma forma como foi com:
Saulo => Paulo
Jacó => Israel
Sarai => Sara
Abrão => Abraão
E por ai vai. O nome é uma ilustração. É a identidade de quem você é.
Por isso fiz estas afirmações:

Agora Saulo de Tarso, sim! O Judeu ortodoxo, radical e completamente fiel aos seus princípios, simplesmente achou um absurdo que pudessem professar a fé em um Mashiah derrotado, numa cruz, maior vergonha, castigo, derrota e humilhação Romana. Bem, talvez um pouco como gentio ele também o tenha perseguido. Mas de um outro modo. Latentemente ele buscava a Cristo e não sabia! Precisou ficar cego para realmente poder enxergar! E a história nos mostra que ele caiu direitinho do cavalo, né? :)

Shalom e Paz a todos, fiquem com Deus! :)
Respondendo finalmente a pergunta do Eliúde ..hehehe :)

Saulo, também chamado de Paulo, era extremamente zeloso por aquilo em que acreditava.
Quando Jesus olhava para ele não estava olhando para o seu maior perseguidor, mas para o seu maior proclamador!
Por trás daquelas escamas, Jesus via os olhos do maior missionário de todos os tempos!
Um homem profundamente dedicado à obra, dedicado às pessoas.
O Apóstolo que menos contato teve fisicamente com Jesus. Mas que melhor compreendeu seu propósito.
O escritor bíblico com maior quantidade de livros escritos em sua autoria, com a inspiração do Espírito de Deus!
O milagre que aconteceu com Saulo, o zelozo fariseu que se converteu em Paulo, o apóstolo dos gentios!

Glória a Deus por cada judeu que tem recebido a Cristo como o Mashiah!

Pergunte por exemplo a qualquer judeu ortodoxo, se em uma sinagoga ele recita Isaías 53 durante a leitura da Torá?

Estas conversões são verdadeiros milagres! São escamas de olhos que tem caido e nós gentios, oliveira brava enxertada, devemos abrir bem nossos olhos para não ficarmos para trás, achando que é a nossa bola que tá cheia aos olhos de Deus.
Se assim o fosse. A humanidade não teria chegado ao ponto em que chegou.

,Shalom e paz a todos! :)
DESCULPA EM DIZER PAULO MAS SIM SAULO ANTES DE SER TRANSFORMADO EM PAULO?
O JOVEM SAULO QUE ESTUDOU AOS PES DE GAMALIEL, O FARIZEU.
Não quero causar nenhum alarde por causa de nomes.

Houveram autores Bíblicos, que só receberam um segundo nome depois.
Simão, que foi chamado de Pedro por Jesus.
José, que recebeu seu nome egípcio por faraó.
Daniel, que recebeu seu nome babilônico por Nabucodonozor.
Abrão, chamado de Abraão por Deus.

O nome de Paulo é um pouco diferente.
Ele tanto era Saulo bem como também era Paulo. Ele já era chamado das duas formas uma vez que ele possuía dupla nacionalidade.
Não gostaria que isto virasse uma discussão por causa de nomes, o que é sem sentido. :-/
Então tanto faz como o chamarem, seja Paulo ou seja Saulo.
O que realmente passou a fazer sentido foi a conversão por inteiro de Saulo, o zeloso fariseu;
para Paulo, o apóstolo dos gentios. Esta mudança é a que realmente tem verdadeiro significado,
onde ele deixa de ser o perseguidor de Cristo e passa a ser perseguido por causa e por amor a Cristo!

,Shalom e paz Eliúde! :)

RSS

© 2014   Criado por UBE/Administrador.

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço